terça-feira, 30 de novembro de 2010

Biologia


Ora meus amigos, tenho que pedir desculpa pela minha ausência; mas devo confessar que tenho andado muito ocupado.
Tenho um interesse recente que me tem proporcionado bons momentos, a Biologia.


Neste período de observação da natureza, tive oportunidade de privar com uma caracoleta acrobata que, chegada cá a casa de forma verdadeiramente odisseica num saco cheio de espinafres, cenouras e batatas que a Tia Marina trouxe das Caldas da Rainha, sobreviveu heroicamente a vários dias no frigorífico.

Acabou por ser posta em liberdade nos descampados aqui da zona, depois de me ter contado quase toda a sua vida e o seu desejo de ingressar numa companhia de circo internacional.
Boa sorte, amiga!

4 comentários:

Lígia disse...

Oh Max, se tu soubesses o que já me gozaram por salvar caracolitos das alfaces e afins e ir colocá-los em terreno seguro...!!!

caniche vagabundo disse...

Eu acho que fazes muito bem!

Van Dog disse...

:)

LUIS MIGUEL CORREIA disse...

Olha Max, ficava sempre arrepiado com a atitude drástica da avó Madalena com estes bichinhos que se atreviam a desafiar a sua paci~encia no reino das flores do Cabeço da Vela...